Após três dias parados, metroviários do DF retornam ao trabalho

0
231

Metroviários do Distrito Federal encerram a greve e voltaram ao trabalho às 5h30 desta quinta-feira (24). Depois de uma paralisação de 24 horas e dois dias de greve, a categoria e o Metrô-DF entraram em acordo durante audiência de instrução e conciliação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) realizada na tarde desta quarta (23).
No início das operações, o movimento nas estações era considerado normal. Os 24 trens do sistema vão funcionar nesta quinta.
Pelo acordo, o Metrô-DF se comprometeu a realizar concurso para contratação de servidores. Pelo acordo, a contratação da empresa que vai realizar a seleção tem de ocorrer no dia 27 de novembro. O edital deve ser lançado em 13 de dezembro. Não há mais informações sobre o concurso. Os empregados da empresa se comprometeram a retornar ao trabalho e vão compensar um dia de greve.

Se o Metrô não cumprir o acordo, está sujeito a multa de R$ 1 milhão. A punição para o sindicato dos metroviários é de R$ 50 mil por dia. Uma nova audiência está marcada entre as partes no dia 2 de dezembro, para que o TRT acompanhe o andamento do acordo.