Cadastramento biométrico de eleitor recebe reforço de 196 pessoas

0
369
O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE) reforçou nesta sexta-feira (26) o atendimento aos eleitores para a realização do cadastramento biométrico. Os 96 servidores cedidos pelo GDF e cem estagiários começaram a trabalhar no atendimento aos eleitores. Eles foram treinados com orientações sobre o funcionamento do tribunal, da corregedoria e dos cartórios eleitorais.Os servidores do GDF vão atuar nos cartórios eleitorais. A partir da próxima segunda-feira (29) será iniciado o treinamento de 95 militares do Exército que vão se juntar à equipe. O TRE informou ainda que até junho serão contratados 200 funcionários para atuar durante o período do recadastramento. Segundo o TRE, com a chegada da equipe haverá melhora no atendimento nas zonas eleitorais.

A campanha da biometria teve início no dia 25 de fevereiro. De acordo com o tribunal, até o dia 24 de abril, 5% do total de 1.892.622 eleitores procuraram os cartórios e postos eleitorais para fazer o recadastramento obrigatório.

A identificação por meio da impressão digital reduz a possibilidade de fraude e dá mais segurança nas votações, diz o tribunal. O prazo para recadastramento vai até o dia 31 de março do ano que vem.Segundo o desembargador do TRE Mario Machado, quem não cumprir o prazo não poderá votar nas eleições de 2014. O eleitor terá o título cancelado, o que o impossibilita de tirar o passaporte e participar de concursos públicos e pedir empréstimos em bancos oficiais, entre outros impedimentos.Os eleitores devem agendar a visita pelo site do TRE ou pelo telefone 3048-4000, das 12h às 19h. Depois, basta comparecer a um cartório ou posto eleitoral.

O cadastro é gratuito e, de acordo com o desembargador, leva cerca de 20 minutos para ser concluído no cartório ou no posto eleitoral. Mesmo quem não é obrigado a votar – pessoas com mais de 70 anos de idade, analfabetos e maiores de 16 e menores de 18 anos – devem fazer o recadastramento.Mais de 7,7 milhões de eleitores de 299 municípios do país já utilizaram a nova tecnologia nas eleições municipais do ano passado, de acordo com dados do tribunal. Apenas dois estados – Sergipe e Alagoas – já tiveram 100% do eleitorado recadastrado.

Além de Brasília, eleitores de oito capitais vão se recadastrar em 2013 pelo sistema biométrico: Boa Vista, Rio Branco, Macapá, Palmas, Teresina, São Luís, João Pessoa e Recife.