GDF adia pela 3ª vez inauguração de central de monitoramento

0
240

A governo do Distrito Federal adiou pela terceira vez a inauguração da central de monitoramento, que prevê a instalação de 835 câmeras em 17 regiões. O custo do investimento é de R$ 26 milhões, segundo a Secretaria de Segurança Pública.

Inicialmente, o sistema deveria entrar em operação antes da Copa das Confederações, em junho de 2013. Depois, o GDF disse que as câmeras em funcionamento até o final do no passado. A terceira data prometida foi abril último.

Após o término do terceiro prazo, o governo afirma que a central de monitoramento vai ficar pronta em 23 de maio, a vinte dias do início da Copa do Mundo.

As câmeras de segurança vão gerar imagens que serão transmitidas para a central de ocorrências da Secretaria de Segurança, no Plano Piloto, e para dez batalhões da Polícia Militar.

Algumas câmeras já estão em funcionamento, mas em número menor do que o previsto para as regiões. Em Samambaia, que tem previsão de receber 80 equipamentos, apenas duas estão em operação.

Seis aparelhos estão em Ceilândia, onde 74 deverão ser instaladas quando o sistema estiver totalmente integrado. Em fevereiro deste ano, foram encontrados apenas preparativos nos postes.

 

Fonte: G1