Pediatria do hospital do Gama recebe mais profissionais

0
256

Foi publicada nesta quarta-feira (9), no Diário Oficial do Distrito Federal, a portaria que transfere, provisoriamente, os pediatras do Hospital Regional de Santa Maria para o Hospital Regional do Gama. A medida, segundo a Secretaria de Saúde, foi tomada para atender a sobrecarga de pacientes da unidade. Em contrapartida, ainda esta semana, outros 12 pediatras devem ser contratados temporariamente para a rede.

 Enquanto valer a transferência dos profissionais, a pediatria do Hospital de Santa Maria ficará fechada. Porém, para que não ocorram transtornos à população da cidade, o atendimento pediátrico ambulatorial continuará nos dois centros de saúde da região. A expectativa da pasta é que, com a chegada dos novos médicos, seis deles sejam designados ao Gama.

 “Com a unificação dos dois serviços, o acesso será melhor, uma vez que a população contará com um maior número de plantonistas para atender na emergência e não haverá sobrecarga para a equipe médica”, ressaltou o coordenador-geral de Saúde do Gama, Robson Umbelino Brito.

Por dia, o pronto-socorro infantil do Hospital Regional do Gama realiza cerca de 200 atendimentos. Desse total, pelo menos 60% são de pacientes que residem em Santa Maria e na Região Metropolitana. Em 2013 o serviço somou mais de 58 mil consultas.

 Além do reforço na emergência com as novas medidas, o HRG conta também com o consultório de baixo risco infantil, serviço implantado em outubro de 2013 que já realizou mais de quatro mil atendimentos até março deste ano. O ambulatório do hospital funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, com um pediatra por turno.

 Secretário interino de Saúde, Elias Fernando Miziara esclareceu que atualmente a pasta conta com 689 pediatras para atender toda a população do Distrito Federal. O número, conforme destacou, deve ser reforçado ainda este ano para melhorar os serviços prestados ao contribuinte.

 “Em 2014 um novo concurso público será realizado. Com isso serão contratados médicos pediatras, o que possibilitará a reabertura do pronto-socorro infantil de Santa Maria”, acrescentou Miziara.

Fonte: Alô