PT vai a evento por “nova ordem mundial” com China e Rússia

0
87

Partido foi representado pelo senador Humberto Costa e afirmou que “comunga” de estratégia para criar “nova ordem”

Foi na busca por uma “outra ordem mundial” que o Partido dos Trabalhadores (PT) participou do Fórum Interpartidário Internacional da Organização para Cooperação de Xangai, que aconteceu nos dias 22 e 23 de outubro deste ano. O encontro, sediado na Rússia, foi organizado pela instituição criada em 2001 através de uma parceria entre o Partido Comunista Chinês, o Governo Russo e outros quatro países que integravam a União Soviética: Cazaquistão, Quirguistão, Tajiquistão e Uzbequistão.

Apesar da pouca cobertura por parte da imprensa em geral, a legenda publicou uma nota em seu site, sobre o evento, afirmando que o PT foi representado, virtualmente, pelo senador Humberto Costa (PT-PE). Na declaração que fez, representando o partido, Costa afirmou que a legenda comungava da estratégia da entidade de criar “uma outra ordem mundial”.

– Comungamos da estratégia para a criação de uma outra ordem mundial, com um mundo multilateral, sem a predominância de nenhuma nação sobre as outras e contra as intervenções estrangeiras na vida social e política de cada nação. Defendemos uma economia voltada ao desenvolvimento das pessoas (o tema desta conferência) e a sustentabilidade ambiental – declarou.

A saudação ainda apontou que o PT estaria se associando aos países por “uma nova configuração internacional” e declarou ser “fundamental que os defensores do projeto de justiça social” trabalhassem juntos.

– Partido dos Trabalhadores então se associa aos seus países que constroem uma nova configuração internacional, e mais do que nunca é fundamental que os defensores de um projeto de justiça social e inclusiva estejam trabalhando juntos. Vida longa ao Fórum Interpartidário Internacional da Shangai Cooperation Organization (“SCO+”) – finalizou a nota.