Temporal alaga ruas do DF

0
254

Um temporal que atingiu várias regiões do Distrito Federal no início da tarde desta quinta-feira (13) alagou ruas, provocou enxurradas, dificultou o trânsito e causou queda de energia em algumas regiões de Taguatinga e do Guará.

A obra do Veículo Leve sobre Pneus, na Epia, ficou alagada próximo à quadra 14 do Park Way. O trânsito no local estava congestionado às 13h30.

Em Ceilândia Norte, na região próxima ao viaduto do metrô na QNN 5/7, onde duas pessoas morreram afogadas em um intervalo de três meses, crianças brincavam na enxurrada.

O acesso ao viaduto está fechado para obras. Pouco tempo depois do início do temporal, a água já se acumulava sob a construção. No dia 27 de janeiro, a Novacap iniciou as obras de alargamento da rede pluvial, que têm custo estimado de R$ 1,7 milhão. A previsão é de que o serviço seja concluído após 70 dias de obras, mas nesta amanhã não havia nenhuma funcionário trabalhando no local.

Na BR-070, a água de acumulou no acostamento da pista em vários trechos. Motoristas passaram a trafegar em velocidade reduzida e com os faróis acesos. Várias ruas próximas à rodovia ficaram alagadas, causando transtornos a pedestres

No Plano Piloto, várias ruas ficaram alagadas. Na 716 Sul, um leitor registrou a W3 com o trânsito complicado durante a chuva. Na Asa Norte, um veículo ficou encoberto por água na tesourinha da 216 Norte. Na 711 norte, um estacionamento ficou alagado dificultando a chegada de pedestres a seus carros.

O tráfego de veículos no Eixo Monumental e nas principais vias de acesso da região central de Brasília, como a via do Parque da Cidade, era intenso. Um semáforo deixou de funcionar na S1, na altura do centro de convenções Ulysses Guimarães.